sexta-feira, 22 de março de 2013

Dói e dói sim!

Sabe aquela pessoa super atrapalhadinha e gracinha e feliz?
Pois não é meu caso. TDAH dói.
- Você sente angústia então...?
- Sim dr. É que a gente vai vendo os anos passarem, e... (pausa pra embargar) e nada. Pra mim, a vida parece uma bola de tempo com coisas flutuantes a fazer e um filtro queimado e fumacento que não as coloca em linha de produção. Não marco mais compromissos com as pessoas, não marco mais compromissos comigo. Não faço planos a longo prazo, a médio prazo e o de curto prazo pra mim é hoje. O que me parece perfeitamente lógico hoje não é mais amanhã.
- É, é triste. Complicado.
- É triste sim. Chega a parecer ridículo, cansativo. Estou cansada de estar cansada, sabe?
- Mas você sente dificuldade só com as coisas que são chatas e que você não quer fazer?
- Isso é relativo, veja bem. O que é chato hoje, amanhã é meu hobbie. E aquilo que é um porre hoje, amanhã pode parecer um tanto quanto interessante. Tirando burocracia, fila de banco e história sem fim... meus interesses têm uma capacidade mutativa muito considerável.
- Hummmm... precisamos ativar seu setor de recompensas... pra você não se desestimular tanto assim com as coisas e deixar tudo por fazer.

Ok. Alright. Tudo bem. Vai ficar tudo bem. Tudo vai dar certo... hahahhahah
Hoje de novo. Olho pros lados e os lados sambam loucamente rindo de mim. Pra que lado vou? Eles realmente não estão dispostos a me dizer...
Aindaaaa!


4 comentários:

  1. Dói demais né minha amiga!
    Imagine mais de 50 anos derrapando nesse atoleiro sem fim?
    Mas, o TDAH que nos derruba é o mesmo que nos dá forças para enfrentá-lo, e vamos seguindo. Acredito em você, Ana, acredito em mim, em todos nós que chegamos até aqui; de um jeito ou de outro. Vamos vencer!
    Abração
    Alexandre

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. To precisando de uma 4x4 pra sair dessa lama viu! hahahhaha
      Mas vc está certo!
      Ao infinito e além, né? rss
      Obrigada Alexandre!
      Grande abraço!

      Excluir
  2. É Ana Beatriz, me vi nas suas palavras... é duro estar sempre tendo que nos superar e ainda passar por cima da nossa colega exaustão...
    Mas, pode ficar tranquila que daqui a pouco a sua hiperatividade vai lhe fazer esquecer o cansaço kkkkkkk
    Bjs.
    Aline.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alineeeee!!!
      Pelo menos isso né, amiga! rs Cansaço demais já é covardia! rss Dá-lhe gaaaaasss! rs
      Abração! E vamo que vamo!
      :)

      Excluir